sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

NAMPULA MOÇAMBIQUE EXPORTA PRODUTOS BIOLÓGICOS PARA O MERCADO EUROPEU: AMENDOIM. GERGELIIM, FEIJÃO

Amendoim
Amendoim

"Nampula exporta cereais para Europa


PRODUTORES da província de Nampula acabam de exportar quantidades estimadas em 218 toneladas de amendoim orgânico para a Holanda e Inglaterra, dentro dos princípios do mercado justo europeu, o que resultou na arrecadação de uma receita no valor de cerca de 9,5 milhões de meticais, revelou Gerson Daniel, gerente da Ikuru, empresa de comercialização de produtos e insumos agrícolas naquela região, que é intermediária naquelas transacções.Maputo, Sexta-Feira, 21 de Dezembro de 2012:: Notícias Juntamente com aquelas quantidades de amendoim que se encontram em processo de carregamento para o navio que vai transportar para os respectivos destinos a partir do porto de Nacala, estão 18 toneladas de gergelim orgânico encomendadas por uma empresa holandesa, comercializadas através do circuito gerido pela Ikuru.O interesse em relação aos grãos produzidos pelos produtores do sector familiar em alguns distritos de Nampula com realce para Muecate, Mogovolas e Murrupula, além de Guruè, na vizinha província da Zambézia, é enorme. Para consubstanciar esta análise, a DrynildGruppen, uma das maiores cadeias de fornecimento de produtos agrícolas que opera nos Países Baixos, está a um passo de conseguir adquirir a partir de Nampula cerca de 60 toneladas de amêndoa de castanha de caju.As exportações de cereais oleaginosos para o “mercado justo europeu” poderão atingir níveis significantes nos próximos tempos, até porque uma delegação da empresa intermédia nas transacções comerciais dos produtos comercializados junto dos produtores do sector familiar em Nampula esteve recentemente na Noruega. Gerson Daniel destacou que os contactos em directo com a direcção da empresa norueguesa permitiram avaliar as oportunidades de reforçar negócios com o mercado europeu justo, que são promissoras.As exportações para o “mercado justo europeu” trazem vantagens comparativas aos produtores, pois, além do valor real do seu produto, a empresa importadora garante o pagamento do bónus de reconhecimento pelo uso escrupuloso de fertilizantes orgânicos, segundo rezam as políticas daquela praça. A Ikuru explora além do “mercado justo europeu”, outras oportunidades que se oferecem localmente para colocação dos produtos baseados essencialmente no amendoim, gergelim, milho, soja, feijão bóer e amêndoa de castanha de caju.O Programa Mundial de Alimentação (PMA) comprou recentemente da Ikuru cerca de 120 toneladas de milho para cumprir o seu acordo de fornecer aos lares e centros internatos, entre outras instituições necessitadas. Gerson Daniel precisou ainda que a sua empresa vendeu para vários interessados cerca de 65 toneladas de sementes certificadas de diferentes culturas com destaque para o amendoim e gergelim, além do feijão bóer e nhemba comprados junto dos produtores de Nampula.Carlos Tembe" FONTE JORNAL NOTICIAS.

Sem comentários:

Publicar um comentário