domingo, 29 de novembro de 2015

ELVIRA VIEGAS CANÇONETISTA MOÇAMBICANA NO SEU MELHOR, EM PORTUGAL JÁ NOS BRINDOU COM A SUA PRESENÇA E AS SUAS CANÇÕES, NO PORTO.

Elvira Viegas brindou o público com uma exibição fenomenal
Quis o destino que Pacha Viegas, irmão da Elvira Viegas, fosse chamado para junto do Pai celestial um mês antes da realização do espectáculo da irmã. À hora da sua partida, Pacha estava na direcção do concerto pelos 60 anos de idade e 41 de carreira musical da sua irmã mais velha, Elvira.
Quis o destino que Pacha Viegas, irmão da Elvira Viegas, fosse chamado para junto do Pai celestial um mês antes da realização do espectáculo da irmã. À hora da sua partida, Pacha estava na direcção do concerto pelos 60 anos de idade e 41 de carreira musical da sua irmã mais velha, Elvira.
Mas como a vontade de cantar, recordar o percurso dos quarenta e um anos era forte, Elvira Viegas juntou-se à sua irmã, Ivone Viegas, para darem andamento ao concerto. A ideia ganhou consistência porque a Chitará Sound disponibilizou-se a dar o som e a produzir o evento. A Universidade Eduardo Mondlane  disponibilizou a sala do Centro Cultural Universitário, enquanto o grupo SOICO concedeu publicidade, havendo outros que à sua maneira deram contributo para que se concretizasse a ideia.
O dia 26 de Novembro chegou. Ao longo do dia fazia calor, antevendo uma noite quente em duas vertentes: a temperatura e por outro a música. Só que depois das dezoito horas, tudo mudou. Temporal, muita chuva, o que na tradição africana é apelidado de sorte. Aliás, diziam alguns espectadores, já na sala do espectáculo, que era o Pacha Viegas que cantava através dos pingos da chuva. Facto interessante é que mesmo com a chuva houve gente, conhecedora das músicas da Elvira Viegas que não se fez de rogado. Dirigiu-se ao Centro Cultural Universitário ávida de ver aquela mulher que aos sessenta anos ainda preserva uma beleza e voz invejáveis, com um cabelo natural que abraça as costas. É a tia Elvira Viegas.
Para um espectáculo de capricho e requinte, havia bom som, boa luz e boa plateia. Dezassete temas era o total das músicas preparadas para a noite. Destas, apenas uma, se a memória não me trai,Psigodo, não foi interpretada. Os restantes, Loko ane positive (se fosse positivo); Pequeno demais;Help me (ajuda-me); Matsoho (Inveja); Djula (procura); Loku hinga londzovote (Se não aproveitarmos); Amigo verdadeiroKombo (azar); Ndzi xicalavithu (Sou anónimo); Hora chegou;Venho de longeMesmo de rastosDança comigoSem palavrasLizeze (compaixão).; Tiva taku (saiba da sua vida), foram interpretados em ambiente de festa.
Assistiu-se no espectáculo, uma Elvira alegre, mais solta e destemida. “Vocês vieram me ver porque são meus amigos. Estou feliz por isso. Não deixo de reconhecer os meus amigos músicos, alguns dos quais como o guitarrista Dodó que começou a tocar comigo quando tinha catorze anos. Hoje são senhores  de referência na música. Juntei-os todos neste palco para juntos celebrarmos”, disse Elvira Viegas, que recordou que o concerto era também dedicado a seu irmão, Pacha Viegas.
Dodó (guitarra) Figas (teclado), Sima (bateria), Djivas (guitarra), Amade (percussão), Belita e Domingas (coros), Elvira e Ivone Viegas (voz), Sacres e  Yocthan (viola baixo), são os instrumentistas que acompanharam Elvira Viegas.
O concerto teve convidados. E foi assim que Yolanda Chicane, da banda Kakana, fez a dupla com a figura de cartaz, cantando Amigo verdadeiro. Ivone Viegas relembrou o passado da Organização Continuadores cantando Loku hinga londzovote (Se não aproveitarmos). Venho de longe foi o tema que juntou o jovem Miguel Xabindza e  Elvira Viegas em uma performance perfeita.
Ensaiando coreografia e ritmo Hip Hop, em músicas anteriores, Elvira deixava claro que teria uma convidada de luxo: Iveth. A rapper entrou em cena e fez dueto com ela cantando a música que resulta de um poema escrito por José Craveirinha, Mesmo de rastos. O desfile dos convidados não parou por aí, pois Elvira trouxe outra voz feminina , Sizaquel. E juntas cantaram  Lizeze (compaixão). Coube a Roberto Chitsondzo a interpretação de Tiva taku (saiba da sua vida),  para o fecho da noite.
A sala esteve a 80 porcento em termos de espectadores. O temporal arrasou todo material de merchandising preparado no exterior da sala. Mas isso não adiou a festa. Houve corte de energia e o gerador começou a operar como alternativa. No final, todo mundo saiu da sala a cantar. Pena não ter havido discos da Elvira à venda, pois a plateia era maioritariamente composta por adultos conhecedores e apreciadores da sua música.
 Frederico Jamisse"
FONTE: JORNAL DOMINGO

sábado, 28 de novembro de 2015

CAZULA, ESTRADA TETE CAZULA, A MESMA QUE LIGA À ZÂMBIA

Escola da Cazula, alterada a antiga traça, Mangueira junto ao posto administrativo e tanque de água, estrada, plas e a minha testa por azelhice minhya como fotógrafo....

CHIUTA; VISTA PARCIAL DA SERRA NA PROVINCIA DE TETE MOÇAMBIQUE






CHIUTA, VISTA PARCIAL DA SERRA FOTOS TIRADAS EM 27 DE NOVEMBRO DE 2015

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

PRIMEIRA DAMA DE MOÇAMBIQUE ISAURA FERRÃO NYUSI, INAUGURA CENTRO DE SAÚDE 25 DE SETEMBRO EM NAMPULA - MATERNIDADE MODELO COM APOIO DA USAID

TVM TELEVISÃO DE MOÇAMBIQUE APRESENTOU HOJE A REPORTAGEM DA INAUGURAÇÃO 27 DE NOVEMBRO 2015, NOTICIÁRIO DA MANHÃ

CABO VERDE VINHO DE CHÃ DA ILHA DO FOGO COM EXCELENTE QUALIDADE E PREÇO

Vinho de Chã com "excelente qualidade" e preço a condizer

Chã das Caldeiras - O vinho de Chã das Caldeiras, na ilha cabo-verdiana do Fogo, será este ano pouco, mas de excelente qualidade e mais caro, segundo o presidente da adega cooperativa local, estrutura completamente destruída pela erupção vulcânica de há um ano.
Na sequência da erupção vulcânica de novembro de 2014, que destruiu por completo a sede da Adega Cooperativa de Chã das Caldeiras, David Gomes, mais conhecido como "Neves", transferiu a produção de vinho para a sua casa, numa tentativa de salvar a vindima de 2015."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

ANTONIO COSTA TOMOU POSSE COMO PRIMEIRO MINISTRO DO XXI GOVERNO CONSTITUCIONAL DE PORTUGAL

  PORTUGAL

António Costa tomou posse como primeiro-ministro

Lisboa - O secretário-geral do PS, António Costa, foi empossado primeiro-ministro pelo Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, numa cerimónia no Palácio da Ajuda, em Lisboa, na quinta-feira.
Passavam dois minutos das 16:00 quando António Costa assumiu o compromisso de honra de cumprir "com lealdade" as funções de chefia do XXI Governo Constitucional e assinou o auto de posse, assinado em seguida também pelo chefe de Estado."
FONTE LUSA MOÇAMBIQUE.

FILIPE JACINTO NYUSI PRESIDENTE DA REPUBLICA DE MOÇAMBIQUE PARTICIPA NA CIMEIRA DA COMMONWEALTH QUE SE REALIZA EM MALTA DE SEXTA-FEIRA A DOMINGO

Filipe Nyusi participa na cimeira da Commonwealth

Maputo - O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, vai participar, a partir desta sexta-feira e até ao próximo domingo, na Cimeira de Chefes de Estado e de Governo da Commonwealth, a decorrer em Malta, anunciou o seu gabinete.
A nota de imprensa diz que a Cimeira de Malta vai decorrer sob o lema "Acrescentando Valor Global" e terá como foco o reforço da cooperação e colaboração entre os estados-membros da Commonwealth, à luz do novo quadro global de desenvolvimento sustentável."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

UNIÃO EUROPEIA APOIA MOÇAMBIQUE COM 734 MILHÕES DE EUROS ATÉ 2020

  MOÇAMBIQUE

União Europeia apoia Moçambique com 734 milhões de euros até 2020

Bruxelas – A União Europeia (UE) vai apoiar Moçambique com 734 milhões de euros até 2020, segundo um acordo assinado na quinta-feira, no quadro do novo programa indicativo nacional, anunciou a Comissão Europeia.
O compromisso foi assinado pelo comissário europeu para a Cooperação Internacional e Desenvolvimento, Neven Mimica, em nome da UE, e pela vice-ministra dos Negócios Estrangeiros, Nyeleti Brooke Mondlane, em representação do governo moçambicano, indicou o executivo comunitário."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

INGC INSTITUTO NACIONAL DE GESTÃO DE CALAMIDADES, JOÃO OSVALDO MACHATINE, DIRECTOR NACIONAL, APELA À CONSTRUÇÃO DE INFRA - ESTRUTURAS SOCIAIS E ECONÓMICAS ADAPTÁVEIS ÀS MUDANÇAS CLIMATÁTICAS EM MOÇAMBIQUE

O INSTITITUTO Nacional de Gestão de Calamiades (INGC) deve centrar as suas atenções em aspectos relacionados com a redução da vulnerabilidade das comunidades, através da construção de infra-estruturas sociais e económicas adaptáveis às mudanças climáticas no país.
Esta tese foi defendida na Praia Bilene, província de Gaza, por João Osvaldo Machatine, director nacional do INGC, por ocasião da VII sessão ordinária do Conselho Consultivo da instituição que termina hoje.
Segundo João Machatine, no país já existe uma prática institucional consolidada e ramificada de gestão de desastres naturais a vários níveis, que vai desde experiências práticas, iniciativas locais, sistemas de aviso prévio, aprovisionamento de meios para assistência humanitária e realização de exercícios de simulações, entre outras intervenções de vulto, sempre que haja
previsão de ocorrência de eventos extremos.
O facto, disse Machatine, permite ao INGC dar resposta imediata a situações de emergência, procurando, no máximo possível, restabelecer pontualmente a normalidade funcional do país.
O Conselho Consultivo constitui para o INGC uma oportunidade de busca de
estratégias acertadas para o aprimoramento das formas de intervenção e salvamento das populações em caso de intempéries.
De acordo com João Machatine, o INGC deve continuar a ser uma instituição com uma boa
imagem no seio da comunidade e dos cidadãos, em geral, daí que os profissionais que trabalham na instituição têm que pautar pelo rigor e transparência na gestão dos recursos alocados."
FONTE JORNAL NOTICIAS DE MOÇAMBIQUE.

CUAMBA - LICHHINGA LINHA FERROVIÁRIA TERÁ CARRUAGENS DE PASSAGEIROS RENOVADAS, GOVERNADOR DA PROVINCIA DE NAMPULA VITOR BORGES REALIZA VISITA À CDN

A EmpresaCorredor de Desenvolvimento do Norte (CDN), sediada na província de Nampula, está a proceder a remodelação de carruagens antigas no âmbito de uma padronização daqueles meios que a companhia está a realizar para futuramente circularem no serviço de passageiros na linha Cuamba-Lichinga.
Recentemente, o governador da província de Nampula, Victor Borges,  acompanhado pelo director provincial dos Transportes e Comunicação, Francisco Bonzo, e outros quadros do Governo, visitou a empresa Corredor de Desenvolvimento do Norte, onde se inteirou do funcionamento da mesma.
Um comunicado de imprensa da  CDN ,  a que tivemos acesso, refere que a visita teve dois grandes momentos, uma das quais à estacão ferroviária, onde observou a reabilitação que se fez em todo recinto, a gare de passageiros e pode ver “in loco” as carruagens executivas e de segunda classe que foram adquiridas na reestruturação do serviço de passageiro feito no segundo semestre de 2013
“Um outro momento foi a visita às áreas operacionais, onde observou o processo de conversão de vagões e a remodelação das carruagens antigas para a padronização em vigor que está ser feito na CDN, as quais irão futuramente circular no serviço de passageiros na linha Cuamba-Lichinga”, lê-se.
Ainda de acordo com o comunicado, o governador “mostrou-se impressionado com o nível de investimento feito, pelo conforto das recém-adquiridas carruagens e elogiou o percurso de mudança positiva que a empresa está tomar. Igualmente, manifestou a vontade de ver sanadas as dificuldades que a circulação do comboio de passageiros está a enfrentar devido às obras de reabilitação da linha no âmbito do projecto corredor Nacala, que se esperam concretizar em Março do próximo ano”."
FONTE: JORNAL NOTICIAS DE MOÇAMBIQUE

MOÇAMBIQUE GOVERNO INICIA REFORMA PARA INVERTER DESFLORESTAÇÃO GALOPANTE

Governo moçambicano inicia reforma para inverter desflorestação galopante

Maputo - O Governo moçambicano anunciou quarta-feira uma reforma no setor florestal para conter o desmatamento galopante e que implica a suspensão de novas licenças, fiscalização de todos os operadores do setor e proibição da exportação da madeira em toros. 
"Se não tomarmos uma ação efetiva, corremos o risco de perder o nosso potencial florestal, com grande prejuízo das comunidades, do ambiente, da economia e aumentar a vulnerabilidade às mudanças climáticas", disse em conferência de imprensa o ministro do Ambiente, da Terra e Desenvolvimento Rural."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

ONU: ORGÃO DE PREVENÇÃO DA TORTURA TENCIONA VISITAR NOMEADAMENTE EM 2016: MOÇAMBIQUE, TUNISIA, MÉXICO E UCRÂNIA

Órgão de prevenção da tortura da ONU visita Moçambique e outros países em 2016

Genebra – O órgão de prevenção da tortura da ONU anunciou quarta-feira que tenciona visitar em 2016 diversos países, nomeadamente Moçambique, Tunísia, México e Ucrânia.
O Subcomité de Prevenção da Tortura das Nações Unidas (SPT) tem como missão prevenir e eliminar os atos de tortura e o tratamento ou métodos de punição de natureza cruel, desumana ou degradante de prisioneiros. 
O órgão tem um mandato para visitar todos os Estados signatários do Protocolo Facultativo à Convenção Contra a Tortura (OPCAT, na sigla em inglês)."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

CPLP : REPOSITÓRIO CIENTIFICO DA CPLP COM TODOS OS ESTADOS MEMBROS PRONTO ATÉ 2020, TORNANDO ACESSIVEL AOS 250 MILHÕES DE FALANTES, A INFORMAÇÃO E CONHECIMENTO CIENTIFICO DOS NOVE ESTADOS MEMBROS.

Repositório científico da CPLP com todos os Estados membros pronto até 2020

Lisboa  - O repositório científico da CPLP deverá estar concluído até 2020, tendo arrancado já com os de Portugal e Brasil, visando "democratizar" o acesso ao conhecimento no espaço lusófono, disse quarta-feira à Lusa fonte da organização. 
Arlinda Cabral, responsável pela Educação, Ciência e Tecnologia na Direção de Ação Cultural e Língua Portuguesa do Secretariado Executivo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), salientou a "preocupação" de tornar acessível aos 250 milhões de falantes, a informação e conhecimento científico dos nove Estados membros da organização."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

REN OBTÉM EMPRESTIMO DE 80 MILHÕES DE EUROS DO BANCO EUROPEU DO DESENVOLVIMENTO

REN obtém empréstimo de 80M€ do Banco Europeu de Investimento

Lisboa - O Banco Europeu de Investimento (BEI) vai emprestar 80 milhões de euros à REN para financiar investimentos na rede de transporte de eletricidade até 2019, anunciou quarta-feira a gestora das redes energéticas. 
O financiamento de longo prazo de 80 milhões de euros corresponde à primeira parcela de um empréstimo que totaliza os 200 milhões de euros, adiantou a REN em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM)."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

GOVERNO DE PORTUGAL TOMA POSSE AMANHÃ , 16H00M, 26 DE NOVEMBRO, QUINTA-FEIRA LISTA OFICIAL DOS NOVOS GOVERNANTES

Presidente da República aceitou proposta de nomeação e marcou tomada de posse do XXI Governo Constitucional
O Presidente da República recebeu hoje o Dr. António Costa e, nos termos da alínea h) do artigo 133.º da Constituição, aceitou a proposta que lhe foi apresentada de nomeação das seguintes personalidades para os cargos de Ministros e de Secretários de Estado do XXI Governo Constitucional:
Ministro dos Negócios Estrangeiros – Augusto Santos Silva
Ministra da Presidência e da Modernização Administrativa – Maria Manuel Leitão Marques
Ministro das Finanças – Mário Centeno
Ministro da Defesa Nacional – José Alberto Azeredo Lopes
Ministra da Administração Interna – Constança Urbano de Sousa
Ministra da Justiça – Francisca Van Dunem
Ministro-Adjunto – Eduardo Cabrita
Ministro da Cultura – João Soares
Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior – Manuel Heitor
Ministro da Educação – Tiago Brandão Rodrigues
Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social – José António Vieira da Silva
Ministro da Saúde – Adalberto Campos Fernandes
Ministro do Planeamento e das Infraestruturas – Pedro Marques
Ministro da Economia – Manuel Caldeira Cabral
Ministro do Ambiente – João Pedro Matos Fernandes
Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural – Luís Capoulas Santos
Ministra do Mar – Ana Paula Vitorino
Secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares – Pedro Nuno Santos
Secretária de Estado Adjunta do Primeiro-Ministro – Mariana Vieira da Silva
Secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros – Miguel Prata Roque
Secretária de Estado dos Assuntos Europeus – Margarida Marques
Secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação – Teresa Ribeiro
Secretário de Estado das Comunidades – José Luís Carneiro
Secretário de Estado da Internacionalização – Jorge Oliveira
Secretária de Estado da Modernização Administrativa – Graça Fonseca
Secretário de Estado Adjunto, do Tesouro e das Finanças – Ricardo Mourinho Félix
Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais – Fernando Rocha Andrade
Secretário de Estado do Orçamento – João Leão
Secretária de Estado da Administração e do Emprego Público – Carolina Ferra
Secretário de Estado da Defesa – Marcos Perestrello
Secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna – Isabel Oneto
Secretário de Estado da Administração Interna – Jorge Gomes
Secretária de Estado Adjunta e da Justiça – Helena Mesquita Ribeiro
Secretária de Estado da Justiça – Anabela Pedroso
Secretário de Estado das Autarquias Locais – Carlos Miguel
Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade – Catarina Marcelino
Secretária de Estado da Cultura – Isabel Botelho Leal
Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior – Maria Fernanda Rollo
Secretária de Estado Adjunta e da Educação – Alexandra Leitão
Secretário de Estado da Educação – João Costa
Secretário de Estado da Juventude e do Desporto – João Wengorovius Meneses
Secretário de Estado do Emprego – Miguel Cabrita
Secretária de Estado da Segurança Social – Cláudia Joaquim
Secretária de Estado da Inclusão das Pessoas com Deficiência – Ana Sofia Antunes
Secretário de Estado Adjunto da Saúde – Fernando Araújo
Secretário de Estado da Saúde – Manuel Delgado
Secretário de Estado do Desenvolvimento e Coesão – Nelson de Souza
Secretário de Estado das Infraestruturas – Guilherme W. d’Oliveira Martins
Secretário de Estado Adjunto e do Comércio – Paulo Ferreira
Secretário de Estado da Indústria – João Vasconcelos
Secretária de Estado do Turismo – Ana Mendes Godinho
Secretário de Estado da Energia – Jorge Seguro
Secretário de Estado Adjunto e do Ambiente – José Mendes
Secretário de Estado do Ambiente – Carlos Martins
Secretária de Estado do Ordenamento do Território e da Conservação da Natureza – Célia Ramos
Secretário de Estado da Agricultura e Alimentação – Luís Medeiros Vieira
Secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural – Amândio Torres
Secretário de Estado das Pescas – José Apolinário
O Presidente da República conferirá posse aos Ministros e Secretários de Estado do XXI Governo Constitucional amanhã, dia 26 de novembro, pelas 16:00 horas, no Palácio da Ajuda.

INVESTIMENTOS NOS PAISES DA CPLP ESTGF/IPP FELGUEIRAS, PORTUGAL, 27 DE NOVEMBRO, SEXTA-FEIRA

VIII Gala Empresarial de Felgueiras | Conferência “Investimento nos países da CPLP” – 27 de Novembro

Programa:

16 h00                  ESTGF/IPP – Conferência “ Investimento nos países da CPLP”:
                                               Abertura
* Sra. Presidente da ESTGF, Prof. Doutora Dorabela Gamboa
* Sr. Presidente da Câmara Municipal de Felgueiras, Dr. Inácio Ribeiro
* 16h15m                               Apresentação do “ Manual de boas práticas ambientais na indústria do Calçado”, do Centro de Inovação e Investigação Ciências Empresariais e Sistemas de Informação (CIICESI)
* 16h30                                   Apresentação do TAMS-IN - projeto de apoio à internacionalização das empresas pelo Conselho Empresarial do Tâmega e Sousa (CETS), Dr. Paulo Dinis
16h45m                               Coffee break
17h00                                   Investimento nos países da CPLP
* Presidente da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal, Eng.º Vieira Lopes
* Presidente da Associação Portugal Moçambique, Dr. Pedrosa Russo
* Secretário Geral da Confederação Empresarial da CPLP, José Medina Lobato
* Embaixador de São Tomé e Príncipe em Portugal e junto da CPLP, Dr. Luís Guilherme Viegas

terça-feira, 24 de novembro de 2015

CONFERENCIA INTERNACIONAL NA BEIRA 27 DE NOVEMBRO PARA PROMOVER CORREDORES DA BEIRA E ZAMBEZIA


MTC REALIZA CONFERÊNCIA PARA PROMOVER INVESTIMENTOS NOS CORREDORES DE DESENVOLVIMENTOS DA BEIRA E DA ZAMBÉZIA

Classifique este item
(0 votos)
MTC realiza Conferência para promover investimentos nos Corredores de Desenvolvimentos da Beira e da Zambézia
O Ministério de Transportes e Comunicações, MTC, no âmbito da implementação do Programa de Desenvolvimento Espacial, realiza uma Conferência de Investidores dos Corredores de Desenvolvimento da Beira e da Zambézia
O evento que terá lugar no dia 27 de Novembro corrente, na Cidade da Beira, em Sofala, tem por objectivo promover oportunidades de investimentos naquela região que abrange também as províncias da Zambézia, Tete e Manica.
Nesta Conferência que prevê atrair cerca de 300 participantes nacionais e estrangeiros, serão apresentados projectos nos sectores da Agricultura, Recursos Minerais, Transportes e Turismo, com tópicos sobre infra-estrutura e financiamento dos Corredores da Beira e da Zambézia, com valores que oscilam entre 40 milhões e 1.5 biliões de dólares.
Em paralelo a Conferência vai decorrer uma exposição de projectos âncora assim como informações e experiências de investimento, finanças e instituições de desenvolvimento nas regiões de influência dos Corredores da Beira e da Zambézia.
O Programa de Desenvolvimento Espacial tem como objectivo desenvolver a capacidade analítica necessária e realizar análise económica espacial de modo a galvanizar as necessidades dos principais sectores económicos do país.
Através deste programa, foram realizados estudos de avaliação sectorial, nos diferentes Corredores de Desenvolvimento, com vista a identificar e preparar as principais intervenções na área de infra-estruturas de transportes que irão ajudar os sectores prioritários a desbloquear o seu potencial económico. (RM-MTC)"
FONTE: RADIO MOÇAMBIQUE

EMPREENDEDORISMO EM MOÇAMBIQUE

O GOVERNO encoraja e incentiva o empreendedorismo como uma plataforma para o crescimento do empresariado nacional, útil para o desenvolvimento económico do país. O facto foi defendido recentemente pela Ministra do Trabalho, Victória Diogo, na abertura de uma conferência nacional sobre empreendedorismo.
Segundo Diogo, numa economia como a moçambicana são necessários muitos empreendedores que sejam capazes de abrir negócios para satisfazer as necessidades dos consumidores.
É neste quadro que estão a ser implementadas reformas com vista à melhoria do ambiente de negócios e a se criarem condições para o incentivo ao auto-emprego e surgimento de mais micro, pequenas e médias empresas.
A criação do Instituto de Promoção de Pequenas e Médias Empresas, segundo a fonte, veio dinamizar este processo, aliando-se às medidas de simplificação de procedimentos no licenciamento e na tributação de micro e pequenas empresas.
No âmbito da contratação pública, de acordo com a ministra, o Governo concede também facilidades às empresas de pequena dimensão nos negócios com Estado e aloca recursos financeiros aos vários fundos em diversos sectores de actividade, como por exemplo, o Fundo de Desenvolvimento Distrital, o Fundo de Apoio às Iniciativas Juvenis, o Pró-Jovem, promovendo, assim, maior acesso ao dinheiro aos que não têm possibilidade de obter crédito bancário.
Victória Diogo, disse ainda que diversas instituições de microcrédito estão a financiar e a assessorar cidadãos que apresentam uma ideia viável de negócio e que a pretendem materializar.
“Temos assistido, um pouco por todo o país, casos de sucesso em várias áreas do sector produtivo. Simultaneamente, estão em curso medidas activas de emprego no âmbito da implementação do Programa Quinquenal do Governo”, disse.
Até Setembro do corrente ano foram concedidos 4306 estágios pré-profissionais, formados 82.000 jovens nos institutos de emprego e formação profissional.
Estas e outras acções, na óptica da governante, têm contribuído para o incremento da empregabilidade dos jovens, tanto nas empresas, como no auto-emprego.
 “Sublinhamos que no mercado de trabalho, só tem maior empregabilidade aquele trabalhador ou candidato ao emprego que tiver capacidade de ser, para a sua profissão, empreendedor, pois, o mercado de trabalho procura pessoas capazes de agregar valor ao trabalho através da ousadia, criatividade e inovação, atributos estes que são de um empreendedor. As empresas para concorrerem no mercado precisam de trabalhadores que inovem, que empreendem e agreguem valor aos seus produtos, face à concorrência que existe no mercado”, indicou.
A Conferência Nacional de Empreendedorismo é uma iniciativa da Associação Nacional de Jovens Empresários e está enquadrada na Semana Global de Empreendedorismo, que se comemora um pouco por todo o mundo.
A conferência decorreu em simultâneo com a 3.ª Edição da Feira sobre Empreendedorismo, um momento ímpar para o debate de ideias e troca de experiências."
FONTE: JORNAL NOTICIAS DE MOÇAMBIQUE.

SÃO TOMÉ E PRINCIPE, SINTRA PORTUGAL PREPARA MISSÃO EMPRESARIAL PARA 2016

 PORTUGAL

Município de Sintra prepara missão empresarial a São Tomé e Príncipe

Sintra - O presidente da Câmara de Sintra defendeu que o município pretende ser um interlocutor do investimento português em São Tomé e Príncipe, num seminário que antecede a preparação de uma missão empresarial programada para 2016.
"Podemos fazer de Sintra uma plataforma de interesse para quem quer investir em São Tomé, ajudando nos fóruns da AICEP [Agência de Investimento e Comércio Externo de Portugal], aliás com quem trabalhamos muito intimamente", afirmou Basílio Horta (PS)."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.