quarta-feira, 29 de junho de 2016

BRASIL UNICEF APONTA REFORMAS EDUCATIVAS DO BRASIL COMO EXEMPLO A SEGUIR, AUMENTARAM AS TAXAS DE MATRICULA DOS JOVENS DE 15 ANOS DE 65% PARA 78%

   BRASIL

Unicef aponta reformas educativas do Brasil como exemplo a seguir

Nova Iorque – O relatório anual da Unicef apresenta como exemplo as reformas educativas do Brasil, que, em nove anos, aumentaram as taxas de matrícula dos jovens de 15 anos de 65 para 78 por cento.
No relatório “Uma oportunidade justa para todas as crianças”, no capítulo dedicado à Educação, a Unicef cita alguns os bons exemplos de Brasil e Vietname, que "oferecem lições valiosas sobre como reformar os sistemas educativos”, acrescentando que as reformas múltiplas, iniciadas nos anos 90 no Brasil, permitiram melhorar as taxas de matrículas dos adolescentes e os desempenhos escolares."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

PAZ EM MOÇAMBIQUE: PRESIDENTE DA REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE FILIPE JACINTO NYUSI NOMEIA MAIS TRÊS ELEMENTO PARA A EQUIPA DO GOVERNO DAS NEGOCIAÇÕES COM A RENAMO: ANTÓNIO HAMA THAI, ALFREDO GAMITO E EDMUNDO GALIZA MATOS


Nyusi reforça equipa do Governo nas negociações com a Renamo

Maputo - O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, nomeou as três individualidades que vão reforçar a equipa do Governo nas negociações para o fim da crise política e militar no país, indica um comunicado da Presidência da República enviado à Lusa.
Segundo a nota de imprensa, Nyusi designou António Hama Thai, ex-chefe de Estado-Maior General das Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) e atual deputado da Frente de Libertação de Moçambique (Frelimo), partido no poder, Alfredo Gamito, ex-deputado, e Edmundo Galiza Matos, deputado e porta-voz da bancada da Frelimo, para reforçarem a equipa do Governo nas negociações com a Resistência Nacional Moçambicana (Renamo), principal partido de oposição, visando o fim da crise política e militar. As três individualidades vão juntar-se a Jacinto Veloso, Benvinda Levi e a Alves Muteque na equipa que representa o Governo nas negociações com a Renamo."
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

segunda-feira, 27 de junho de 2016

ANTÓNIO GUTERRES PARTICIPA EM DEBATE A CANDIDATOS À ONU EM 12 DE JULHO EM NOVE IORQUE

   MUNDO

Guterres participa em debate com candidatos à ONU a 12 de julho em Nova Iorque

Nações Unidas – António Guterres, candidato a secretário-geral das Nações Unidos, vai participar, a 12 de julho, num debate com todos os concorrentes, na sede da ONU, em Nova Iorque, nove dias antes da primeira apreciação das candidaturas.
O presidente da mesa da Assembleia-geral (AG) da ONU convidou todos os candidatos para um fórum temático sobre Direitos Humanos, a 12 e 13 de julho, que inclui um debate entre todos os 11 concorrentes, na noite de 12 de julho, nas instalações das Nações Unidas, de acordo com a carta a que a Lusa teve acesso. "
FONTE: LUSA MOÇAMBIQUE.

MOÇAMBIQUE E PORTUGAL RELAÇÕES EXCELENTES INICIATIVA MOZEFO EM CASCAIS A 28 DE JUNHO MOMENTO EXCELENTE PARA A DINÂMICA EMPRESARIAL

“As relações entre Moçambique e Portugal são inequívocas”, garante Fernanda Lichale

Embaixadora de Moçambique em Portugal espera que MOZEFO dinamize relações entre os países
 
A Embaixadora de Moçambique em Portugal, Fernanda Lichale, espera que a realização da Conferência MOZEFO em Cascais venha a dinamizar ainda mais as relações económicas entre os dois países, principalmente no que toca à mobilização de mais investidores portugueses para Moçambique e consciencialização dos empresários portugueses de que Moçambique tem futuro e “que o futuro das relações entre Moçambique e Portugal são inequívocas.
Temos um grande volume de investimentos portugueses em Moçambique. Neste momento, Portugal está em quarta posição no ranking dos maiores investidores e sempre esteve em posições cimeiras. Mas não é só o facto de estar em quarto lugar, é que Portugal é um dos grandes impulsionadores do emprego em Moçambique e, nessa qualidade, vejo que pode partilhar connosco experiências, desafios e ideias, afinal, é esse o desafio deste fórum MOZEFO”, disse a representante moçambicana na capital portuguesa.
Fernanda Lichale acredita, por outro lado, que “os problemas económicos que nós temos e a falta de capacidade e de musculatura financeira que ainda precisamos de ter não são uma fatalidade. Moçambique tem importantes recursos, tem capacidades, tem know-how. Por que não apostar neste mercado? Penso que o desafio é sensibilizar os moçambicanos e portugueses que fazendo parcerias entre eles, tanto em Portugal como em Moçambique, fortifica ainda mais a nossa relação”, disse.
No final, a embaixadora deixou ficar algumas palavras aos organizadores da conferência. “o grupo Soico tem-nos surpreendido muito positivamente com a qualidade da sua organização. É um grupo jovem, mas com uma visão virada para o futuro, neste caso virada para a relação Moçambique e Portugal. E a escolha deste país não foi por acaso, porque tem partilhado connosco desafios e oportunidades e creio que MOZEFO é este culminar de parcerias estratégicas entre Moçambique e Portugal”, afirmou."
FONTE: JORNAL O PAIS DE MOÇAMBIQUE.

FEIRA INTERNACIONAL DE PEDRAS PRECIOSAS EM NACALA - PORTO, PROVINCIA DE NAMPULA, 8 A 10 DE SETEMBRO, MOMENTO ALTO PARA A CULTURA E TURISMO DE MOÇAMBIQUE COM VISITAS GUIADAS À ILHA DE MOÇAMBIQUE E MOSSURIL ONDE SE ENCONTRA O PRIMEIRO POÇO USADO POR VASCO DA GAMA PARA ABASTECIMENTO DE ÁGUA POTÁVEL QUANDO CHEGOU A MOÇAMBIQUE

NAMPULA VAI ACOLHER FEIRA INTERNACIONAL DE PEDRAS PRECIOSAS

27-06-2016 17:00:53

Maputo, 27 Jun (AIM) – O governo província de Nampula, norte de Moçambique, afirma que decorrem satisfatoriamente os preparativos para acolher a primeira edição da Feira Internacional de Pedras Preciosas, um evento que terá lugar na cidade portuária de Nacala, entre os dias 8 e 10 de Setembro próximo.

O evento foi anunciado em Maio último pelo director provincial de recursos minerais e energia de Nampula, Olavo Deniasse. Na altura, explicou que a feira tem como propósito “valorizar a actividade mineira a nível dos operadores nacionais que internamente não encontram espaço para comercializar a sua produção.

Falando na qualidade de porta-voz da XI sessão ordinária do governo de Nampula, havida na sexta-feira, Agostinho Zacarias disse à imprensa que os preparativos deste decorrem a todo gás, e está tudo a postos para que a feira tenha lugar em Nacala.

‟Como sabem que a nossa província, devido a sua formação geológica é bastante rica em recursos minerais, e as gemas são o nosso grande forte aqui em Nampula. Por isso, queremos transformar esta região como a sede ou capital onde as pessoas podem fazer negócios de gemas”, explicou Zacarias.

Referiu que além da exposição e venda de recursos minerais, a Feira Internacional de gemas vai englobar uma gala de gemas da província e um elemento cultural, que inclui uma excursão à Ilha de Moçambique e ao distrito de Mossuril, para permitir aos participantes do evento explorarem o turismo cultural que a província dispõe.

‟Por exemplo, em Mossuril é lá onde temos o primeiro poço que Vasco da Gama usou quando chegou a Moçambique, e nós queremos que os nossos visitantes conheçam isso”, disse a fonte.

Actualmente, decorrem as inscrições para os participantes.

Refira-se que a escolha de Nacala para a realização da primeira edição da Feira Internacional de Pedras Preciosas pesou o facto de ser uma cidade com características específicas, entre as quais um grande potencial de recursos naturais.
(AIM)
Albino Abacar (colaboração)/SG
(AIM)" FONTE: SAPO MZ

AREIAS DE PESADAS DA ZAMBÉZIA, CHINDE, INHASSUNGUE E QUELIMANE SÃO EXPORTADAS PARA A CHINA E PRODUZIDAS PELA AFRICAN GREET WALL MAINING, TRINTA E TRÊS MIL TONELADAS COM APOIO DE BALDEAMENTO ATRAVÉS DE EMBARCAÇÕES EM ALTO MAR

ZAMBÉZIA: EXPORTAÇÃO DE AREIAS PESADAS PARA A CHINA

Classifique este item
(0 votos)
Zambézia: Exportação de areias pesadas para a China
O Director Provincial dos Recursos Minerais e Energia na Zambézia, Almeida Manhiça, revelou que com esta exportação, de trinta e três mil toneladas de areias pesadas, o Estado vai arrecadar mais de nove milhões de meticais de impostos.
Por se tratar de uma grande quantidade de areia a ser transportada, o navio não poderá atracar no porto de Quelimane. A operação de baldeamento será feita no alto-mar, através de embarcações de pequena dimensão.
Esta é a segunda exportação de areias pesadas que a African Greet Wall Maining Developement Company faz este ano.
No primeiro trimestre exportou 12 mil tonadas de areias pesadas, tendo o Estado cobrado cerca de três milhões de meticais.
Aquela empresa de capitais chineses, tem uma concessão de exploração de areias pesadas nos distritos de Chinde, Inhassunge e Quelimane.
 Actualmente as actividades estão concentradas na localidade de Deia, no distrito de Chinde. (RM Zambézia)
de trinta e três mil toneladas de areias pesadas 

ESPANHA ELEIÇÕES: PARTIDO POPULAR DE MARIANO RAJOY NO GOVERNO É O VENCEDOR DAS ELEIÇÕES ESPANHOLAS

PARTIDO POPULAR DE MARIANO RAJOY É O VENCEDOR DAS ELEIÇÕES ESPANHOLAS

Classifique este item
(0 votos)
Partido Popular de Mariano Rajoy é o vencedor das eleições espanholas
O Partido Popular (PP), liderado pelo chefe do governo de gestão, Mariano Rajoy, é o vencedor das eleições em Espanha, anunciou a comissão eleitoral.
O Partido Popular (PP, direita) é o grande vencedor das eleições legislativas espanholas, apesar de não obter a maioria absoluta, sendo o único partido a ganhar percentagem de votos e lugares no parlamento, em relação às eleições anteriores, de Dezembro.
O Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE) conseguiu evitar o que todos estavam à espera, o ser ultrapassado pela coligação de esquerda Unidos Podemos (uma aliança de radicais de esquerda, comunistas, ecologistas e partidos regionais), mas perde lugares na assembleia, apesar de ver aumentado ligeiramente a percentagem de votos.
Os partidos tradicionais do sistema político espanhol (PP e PSOE) conseguiram parar o movimento que parecia irreversível no sentido do aumento de votos dos novos partidos, a Unidos Podemos e partido de centro-direita Ciudadanos do centro).
Ainda não é possível prever qual será a coligação que irá permitir uma solução governativa, que não foi possível construir na sequência das últimas eleições, em 20 de Dezembro último.
Esta segunda-feira, inicia-se um período de negociações para tentar desbloquear esse impasse político, tendo todos os partidos garantido, nos últimos dias da campanha eleitoral, que não seria necessário repetir as eleições pela terceira vez.
Com 98,78% dos votos escrutinados o PP tinha 33,0% dos votos (28,71 em Dezembro) e 137 lugares no Congresso dos Deputado, enquanto o PSOE obteve 22,70% dos votos (22% em Dezembro) e 85 lugares (90).
Por seu lado, a Unidos Podemos chego aos 21,13% e 71 lugares e o Ciudadanos obtinha 13,03% (13,94%) e 32 (40) lugares.
O Congresso dos Deputados tem 350 lugares e a maioria é alcançada com metade mais um (176) desse número.  (RM/NMinuto)"
FONTE: RÁDIO MOÇAMBIQUE.