sexta-feira, 15 de junho de 2012

MOÇAMBIQUE MANTÉM-SE ENTRE 50 PAISES MAIS PACIFICOS DO MUNDO

"Moçambique mantém-se entre 50 países mais pacíficos do mundo. Maputo, 15 Jun. (AIM) - Moçambique continua entre os 50 países mais pacíficos do mundo ao situar-se no 48° lugar (o mesmo que ocupou em 2011), segundo a edição 2012 do Índice Global da Paz (Global Peace Index), elaborado pelo Instituto para a Economia e Paz, com sede na Austrália, juntamente com a Economist Intelligence Unit. O ranking, lançado quarta-feira, considera 23 factores para a classificação, sendo alguns deles o número de conflitos e homicídios no país, gastos militares, incluindo com armamentos, assim como a percepção da população sobre a violência, a ocorrência de actos terroristas, estabilidade política, entre outros. Ao nível da África Austral, Moçambique está melhor colocado que a República Democrática de Congo (154°), Zimbabwe (140°), África do Sul (127°), Madagáscar (99°), Angola (95°), Suazilândia (85°), Malawi (60°), Tanzânia (55°), Lesoto (53°), Zâmbia (51°) e Namíbia (49°). O país melhor classificado na região é o Botswana (31°).  O estudo não faz menção a todos os membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). Dos contemplados, está o Brasil, que ocupa a 83ª posição entre as 158 nações analisadas na presente edição.  No topo da classificação está a Islândia na primeira posição, seguida da Dinamarca, Nova Zelândia, Canadá, Japão, Áustria, Irlanda, Eslovênia, Finlândia e Suíça.  Na cauda da tabela encontram-se o Paquistão, Israel, República Centro Africana, Coreia do Norte, Rússia, República Democrática do Congo, Iraque, Sudão, Afeganistão e Somália, esta nação em último lugar. De um modo geral, segundo o “Diário de Moçambique”, citando o estudo, o mundo se tornou mais pacífico pelo segundo ano consecutivo, com apenas o norte de África e o Médio Oriente a piorarem, em grande parte por causa da Primavera Árabe que deteriorou a situação na Líbia, Síria e Egipto, entre outros países." Fonte Portal do Governo de Moçambique.

Sem comentários:

Publicar um comentário