quarta-feira, 15 de agosto de 2012

NIASSA CUAMBA FÁBRICA DE ALGODÃO JOÃO FERREIRA DO SANTOS CONTA COM A PRESENÇ DO MINISTRO DA AGRICULTURA JOSÉ PACHECO 18 DE AGOSTO 2012

"A Sociedade Algodoeira do Niassa João Ferreira dos Santos, SA (SAN-JFS) empresa do Grupo João Ferreira dos Santos, realizou, no primeiro semestre de 2012, um investimento de cerca de 1,5 milhões de USD na compra e instalação de uma nova fábrica de processamento de algodão em Cuamba (Niassa), com capacidade para 30.000 toneladas/ano. O projecto foi feito num tempo recorde de 5 meses de trabalho (3 meses para construção civil e 2 meses para instalação e testagem dos equipamentos). Este investimento surge em resposta à previsão de uma campanha recorde para 2012 de cerca de 20.000 toneladas de algodão-caroço, um aumento de cerca de 150% face à produção da campanha passada. A SAN-JFS produz hoje mais de 15% do total da produção nacional de algodão, sendo, por dois anos consecutivos, a empresa com maior taxa de crescimento ao nível do subsector.
A nova fábrica vai ser inaugurada oficialmente por sua Excelência o Sr. Ministro da Agricultura José Pacheco, no próximo dia 18 de Agosto de 2012 no Complexo Habitacional e Industrial de Cuamba-Niassa.
Sobre a SAN-JFS:
A SAN-JFS foi adquirida pelo Grupo João Ferreira dos Santos em 1939 e desde então nunca parou a sua actividade, nem mesmo no período de desestabilização económico-social e apesar de uma das fábricas ter sido na altura completamente bombardeada, tornando-se assim na mais antiga e carismática empresa de algodão de Moçambique. Hoje tem a sua sede e fábrica de processamento em Cuamba, concentrando as actividades de fomento em 8 distritos da Província do Niassa.
No ano de 2009 foi a primeira empresa algodoeira e a primeira empresa da Província do Niassa a receber o selo "Made in Mozambique" e, em 2011, recebeu o prémio KPMG da empresa com maior variação de volume de negócio no sector agrícola." Fonte Comunicado de Imprensa JFS, Dimande.

Sem comentários:

Publicar um comentário