quarta-feira, 3 de novembro de 2010

MOÇAMBIQUE E BRASIL - 7 - VISITA - DIPLOMACIA MOÇAMIBICANA SOMA PONTOS NO CONTEXTO INTERNACIONAL

"Ministro Oldemiro Baloi acredita que visita de Dilma a Moçambique beneficiará a África . 02/11/2010
O governo de Moçambique vê a visita da presidente eleita Dilma Rousseff (PT) como um sinal de que a África continuará priorizada na política externa brasileira. "Que melhor sinal de continuidade no relacionamento poderíamos ter se não este?", disse Oldemiro Baloi, ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação. "Será um privilégio muito grande que ela, logo depois da eleição e mesmo antes da sua posse, venha a Moçambique", completou, na saída da reunião semanal do Conselho de Ministros moçambicano.
Dilma e o presidente Luiz Inácio Lula da Silva ficarão em Maputo por dois dias, antes de seguirem para Seul, na Coréia do Sul, onde participarão da reunião do G-20.  Segundo Baloi, todos reconhecem os esforços do governo Lula em fortalecer laços com o continente. Ele destacou que a política externa brasileira "teve enfoque muito grande na África, sem precedentes" e que, em fóruns nacionais que ele tem participado, isso "tem sido notado". A agenda oficial da visita à capital moçambicana ainda está a ser montada, mas Lula e Dilma devem visitar uma fábrica de remédios para combate à Sida.  "É bom termos parceiras fortes entre os emergentes", ressaltou Oldemiro Baloi, lembrando que além do Brasil, a Índia, China e África do Sul têm estreitado o relacionamento com o continente. "Temos identidade em vários temas internacionais. E ainda há muito trabalho a fazer e sinergias a aproveitar e criar", completou o ministro." Fonte Rádio Moçambique

Sem comentários:

Publicar um comentário