quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

NACALA, ABASTECIMENTO DE ÁGUA MELHORADO PELA REABILITAÇÃO DA BARRAGEM EM MARCHA

"Barragem de Nacala: Reabilitação atrai trinta empresas. CERCA de trinta empresas, entre nacionais e estrangeiras, concorrem para a empreitada de reabilitação da barragem que abastece de água a cidade de Nacala-Porto, na província de Nampula, num projecto financiado pela Millenniun Challenge Account (MCA).Maputo, Quarta-Feira, 26 de Janeiro de 2011:: Notícias A cidade portuária de Nacala, acolhe hoje a cerimónia de lançamento oficial do concurso para a selecção da empresa (ou empresas), para execução da empreitada que deverá arrancar segundo previsões da agência financiadora em Julho.A execução da obra terá a duração mínima de 15 meses e o máximo de 18 e inclui intervenções para a substituição da conduta adutora, ampliação do volume de água bombeada na estação de tratamento, centro de distribuição e da rede de abastecimento à cidade de Nacala-Porto.As obras na barragem de Nacala visam aumentar a sua capacidade de encaixe, o reforço da disponibilidade de água, cobrindo toda a área do município daquela cidade portuária. Quando o trabalho ficar concluído, 65 porcento da população do distrito, estimada em cerca de 208 mil habitantes terá acesso à água.
O gestor do projecto de água e saneamento no MCA, Luís Paulo Mandlate, referiu-se à necessidade de transferir algumas famílias, em número não superior a vinte, que vivem próximo da barragem de Nacala, de forma a protegê-las de possíveis danos materiais porquanto os trabalhos cobrem uma vasta área.A barragem de Nacala foi concluída em 1969, um ano depois do início da sua construção. No entanto, em 2003, começou a ressentir-se da estiagem, não recebendo água, o que não só afectou o local onde se encontra construída como a nascente do rio que abastece a barragem. Estudos efectuados recomendaram a sua reabilitação integral para suprir problemas como fugas de água a partir das comportas devido à falta de intervenção de carácter de manutenção."
Fonte Jornal NOTICIAS





Sem comentários:

Publicar um comentário