sábado, 1 de setembro de 2012

OAM - "MIL MEMBROS ESTARÃO INSCRITOS NA ORDEM DOS ADVOGADOS DE MOÇAMBIQUE ESTE MÊS"

"Mil membros estarão inscritos na Ordem dos Advogados de Moçanmbique este mês

A Ordem dos Advogados de Moçambique (AOM) vai contar com cerca de mil advogados a partir Setembro próximo, mês em que aquela organização vai fazer a entrega de novas carteiras profissionais a 158 novos causídicos.A cerimónia vai acontecer no dia 14 de Setembro durante a semana do advogado que neste ano decorre de 9 a 15 de Setembro. Com aquele universo, Gilberto Correia, bastonário da AOM, acredita que a assistência jurídica aos cidadãos que buscam a justiça vai melhorar, embora o número não fosse, ainda satisfatório.
Os préstimos dos advogados são importantes, sobretudo para dirimir conflitos complexos opondo cidadãos, organizações e o Estado. Porém, além de serem poucos profissionais na praça os seus serviços são bastante caros.Aliás, é tendo em conta este facto que foi criado o Instituto do Patrocínio e Assistência Jurídica (IPAJ). A instituição oferece assistência grátis sobretudo aos cidadãos com limitações financeiras.De acordo com Correia, o rácio entre o número de advogados e a população, estimada em pouco mais de 20 milhões de habitantes, ainda é limitado. Porém, não há dúvidas que o país está num bom caminho. Basta recordar que, em 2008 existiam, apenas, cerca de 400 advogados em Moçambique.Durante a semana do advogado, a OAM vai realizar o primeiro Congresso para a Justiça sob o lema “A qualidade e a celeridade da justiça: Todos Juntos por uma Justiça de Qualidade, mais célere e mais Credível”. O evento está previsto para ter lugar entre os dias 13 e 14.Na ocasião, serão discutidas questões atinentes à celeridade processual e à qualidade das decisões judiciais, tendo em vista uma justiça que responda aos anseios da sociedade. Por outro lado se espera que sejam debatidas as formas através das quais se pode alcançar maior qualidade das decisões proferidas pela administração da justiça.No entender do bastonário, há muitos aspectos que devem ser melhorados no sistema judicial tal é o caso da formação dos agentes da Polícia de Investigação Criminal, do Ministério Público, juízes e advogados" FONTE RÁDIO MOÇAMBIQUE.

Sem comentários:

Publicar um comentário