segunda-feira, 5 de setembro de 2011

CPLP - CHINA, COMÉRCIO SUPERA USD 62986 MILHÕES

"Comércio China/CPLP supera USD 62986 milhões. O COMÉRCIO entre a China e os oito países de língua portuguesa ascendeu a 62986 milhões de dólares de Janeiro a Julho, apresentando um crescimento homólogo de 26,95 porcento, de acordo com dados oficiais da China divulgados em Macau.Maputo, Segunda-Feira, 5 de Setembro de 2011:: Notícias . No período, segundo a agência Macahub, a China importou dos países de língua portuguesa mercadorias no valor de 41639 milhões de dólares (mais 22,92 porcento) e vendeu bens no valor de 21350 milhões de dólares (mais 35,62 porcento), tendo registado um défice comercial de 20289 milhões de dólares. No período, Moçambique registou trocas comerciais com a China que ascenderam a 491 milhões de dólares (mais 39,80 porcento), sendo que 380 milhões de dólares (mais 35,50 porcento) corresponderam a vendas chinesas a Moçambique e 111 milhões de dólares (mais 57 por cento) a vendas moçambicanas à China.Com o Brasil, principal parceiro comercial da China de entre os oito de língua portuguesa, o comércio bilateral ascendeu a 45131 milhões de dólares (mais 38,60 porcento), tendo a China vendido ao Brasil bens no valor de 27333 milhões de dólares (mais 39,10 porcento) e adquirido mercadorias com um valor de 17797 milhões de dólares (mais 37,80 porcento).Angola, que surge em segundo na lista dos principais parceiros comerciais da China de entre os oito países, registou trocas comerciais com este país de 15035 milhões de dólares, de que 13610 milhões de dólares (menos 1,50 porcento) corresponderam a vendas angolanas à China e os restantes 1425 milhões de dólares (mais 33,50 porcento) a vendas chinesas a Angola.Portugal aparece na terceira posição tendo no período registado trocas comerciais com a China que se situaram em 2256 milhões de dólares, com este país a vender a Portugal bens no valor de 1676 milhões de dólares (mais 16,70 porcento) e a comprar mercadorias no valor de 580 milhões de dólares (mais 43,90 porcento)." Fonte Jornal NOTICIAS.

Sem comentários:

Publicar um comentário