quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

CAJÚ MOÇAMBIQUE ZAMBÉZIA VAI COMERCIALIZAR 10 MIL TONELADAS DE CASTANHA DE CAJÚ

"Zambézia vai comercializar 10 mil toneladas de castanha
A PROVÍNCIA da Zambézia vai comercializar, na presente campanha, cerca de 10 mil toneladas de castanha de caju.
Esta produção está muito abaixo das 18 mil toneladas conseguidas em 2006, sendo que a redução está relacionada com vários factores, entre os quais as mudanças climáticas e a falta de maneio adequado das plantas.Reconhece-se que as 10 mil toneladas de castanha contabilizadas anualmente podem não corresponder à produção real, uma vez que há grandes quantidades do produto que circulam fora do circuito normal de comercializaçãoO director provincial da Agricultura da Zambézia, Ilídio Bande, que revelou esta informação afirmou que os distritos de Gilé, Pebane, Maganja da Costa, os maiores produtores, vão contribuir com 80 por cento do volume de comercialização.Aquele responsável falava há dias durante a 1.ª edição da Feira de Caju, evento que teve lugar recentemente no distrito de Mocuba, juntando no mesmo espaço produtores, comerciantes, provedores de insumos e industriais.Na ocasião, o director provincial da Agricultura da Zambézia pediu a todos os intervenientes na cadeia de produção, nomeadamente, produtores, provedores de serviços, comerciantes e industriais para trocarem informações no sentido de evitar que o apanhador fique na posse de grandes quantidades de castanha.Segundo Ilídio Bande, a produção da castanha deve necessariamente significar que os produtores estão ganhar dinheiro para melhorar a qualidade do produto que colocam à disposição dos compradores.O director provincial da agricultura na Zambézia apelou ainda ao sector privado para apoiar os produtores na identificação do mercado, serviços agrários e discussão do melhor preço.O lema de comercialização desta campanha é “Castanha de Qualidade Rumo à Competitividade no Mercado Internacional”.Durante a feira foi definido que o quilograma de castanha de caju passa a custar entre 17 e 18 meticais na presente campanha agrícola na província da Zambézia.
A província da Zambézia conta actualmente com mais de 16 mil produtores"
FONTE: JORNAL NOTICIAS DE MOÇAMBIQUE.

Sem comentários:

Publicar um comentário