segunda-feira, 30 de maio de 2011

GRUPO PORTUGUÊS DE SEGURANÇA ELECTRÓNICA VAI ABRIR EM MOÇAMBIQUE

"Economia Grupo português MicroSegur vai abrir filial em Moçambique. Segunda, 30 Maio 2011 00:00 Redacção. “O mercado português (devido às condições por que passa o tecido empresarial pressionado pela crise económica que levou a uma menor construção de edifícios e escritórios) não está morto, mas está muito parado”O grupo MicroSegur, com actividade principal na área da segurança electrónica, vai abrir uma empresa em Moçambique até ao fim do primeiro semestre do ano, para reforçar a sua internacionalização, disse o director de Marketing. “As perspectivas de negócio em Moçambique são muito boas, pelo que a MicroSegur Portugal decidiu apostar no reforço da sua estratégia de internacionalização e abrir uma empresa de direito moçambicano, a MicroSegur Moçambique, em Maputo, até ao final da primeira metade deste ano”, esclareceu Ricardo Noronha.Este responsável explicou que a empresa se vai focar, numa primeira fase, na região de Maputo e nos sectores da banca, aeroportos e portos. Em Portugal, a MicroSegur iniciou a sua actividade comercial em Janeiro de 1997 e desde cedo destacou -se no mercado dos sistemas de inspecção e no fornecimento de soluções de engenharia de segurança electrónica, onde é líder de mercado.Ao início, o negócio principal da MicroSegur direccionava-se para a oferta de serviços e soluções de segurança electrónica.Mas, com a actual reestruturação, foram eleitas quatro áreas de actividade: segurança electrónica (caso dos alarmes), segurança passiva (entre outros, cofres e portas), energias renováveis (aplicação de soluções de segurança) e na área médica dos equipamentos de radiologia digital. Assim, em Moçambique, a MicroSegur vai avançar nestas quatro áreas de negócio, tendo escolhido, numa primeira fase, a região do Maputo como zona de eleição para a sua expansão no país. Em 2003, o grupo português criou a MicroSegur Angola, um mercado que já representa 54% da facturação global" Fonte O PAIS.

Sem comentários:

Publicar um comentário